Embaixada da Austrália
Portugal
Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Guiné Bissau

Vistos e imigração

Vistos e assuntos de imigração

Implementação do Acordo "Work and Holiday Maker"

A 23 de Novembro de 2014, o visto “Work and Holiday Maker” (subclasse 462) ficou disponível para portadores de passaportes portugueses, entre os 18 e 30 anos de idade. Para mais informação sobre como se candidatar, por favor clique aqui.

Vistos

Para entrar na Austrália, precisa de ser portador de um passaporte australiano ou de um visto australiano válido.

A Embaixada da Austrália em Lisboa não trata de vistos ou de pedidos de cidadania. O processamento de vistos para residentes em Portugal e cidadãos portugueses é efectuado electronicamente através do serviço de vistos electrónicos, por centros de processamento na Austrália ou por uma secção de imigração noutra Embaixada australiana.

Não deverá efectuar reservas de passagens aéreas nem assumir compromissos de viagem até receber um visto de entrada na Austrália. Este Departamento não será responsável por qualquer prejuízo financeiro incorrido por clientes cujo pedido de visto seja processado mais tarde do que o esperado ou seja rejeitado.

Está a planear fazer férias na Austrália?

Se for portador de um passaporte da União Europeia, Andorra, Islândia, Liechtenstein, Mónaco, Noruega, São Marino, Suiça ou Cidade do Vaticano pode solicitar um visto electrónico gratuito para visitar a Austrália em férias.
 

http://www.uk.embassy.gov.au/lhlh/IMMI_holiday_info_eng.html

 

Informações sobre vistos e cidadania

O Departamento de Imigração e Protecção de Fronteiras (DIBP) disponibiliza um site, em língua inglesa, com informações sobre vistos australianos e cidadania. Este site contém informações detalhadas sobre o tipo de vistos disponíveis, condições de acesso, formulários, custos e procedimentos para solicitar cada visto. A maioria dos vistos possui listas de requisitos e guias passo-a-passo, para facilitar o processo de solicitação do visto.
 

Consulte: www.border.gov.au

Processamento de vistos numa Secção de Imigração

O DIBP possui gabinetes em:


Berlim, Alemanha (www.germany.embassy.gov.au)
Londres, Reino Unido (www.uk.embassy.gov.au)
Madrid, Espanha (www.spain.embassy.gov.au)
Viena, Áustria (www.austria.embassy.gov.au)
 

As nossas secções de imigração processam os seguintes vistos:

  • Visto de visitante (para portadores de passaportes que não podem fazer a solicitação do visto online)
  • Vistos de Férias com Possibilidade de Trabalho, ou “Working Holiday Maker” (para portadores de passaportes que não podem fazer a solicitação do visto online)
  • Vistos de Curta Estadia em Negócios (para portadores de passaportes que não podem fazer a solicitação do visto online)
  • Vistos de trânsito
  • Vistos de estudante (para portadores de passaportes que não podem fazer o pedido do visto online)
  • Vistos de Trabalho Temporário
  • Vistos de Regresso de Residente
  • Imigração de Parceiros
  • Imigração de Filhos
  • Imigração de Outros Familiares

Gabinete de processamento de Cidadania por Descendência em Londres, Reino Unido

A secção de imigração em Londres processa os pedidos de cidadania por descendência para clientes residentes em Alemanha, Andorra, Áustria, Bélgica, Bósnia Herzegovina, Cidade do Vaticano, Croácia, República Checa, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, França, Gibraltar, Grécia, Gronelândia, Hungria, Ilha de Ascensão, Ilhas Faroé, Ilhas Falkland, Islândia, Israel, Itália, Kosovo, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mónaco, Noruega, Países Baixos, Polónia, Portugal, Santa Helena, São Marino, Suécia e Suiça.

Para mais informações, queira consultar o site de Londres: www.uk.embassy.gov.au/lhlh/immi_citz.html
 

Atendimento por telefone e email

Se deseja contactar o DIBP em português, poderá ligar para o Centro de Serviços Americano através do nº +1 613 238 1040*, das 15h às 22h, de 2ª a 6ª feira (hora de Lisboa).

(*) Os custos das chamadas internacionais podem variar. Deverá confirmar o custo de chamada com o seu operador telefónico

Para garantir que o serviço é o mais rápido e eficiente possível, encorajamos os clientes a utilizarem a informação disponibilizada no nosso website. A resposta para a maioria das questões encontra-se aí e essa é a forma mais eficaz de obter a informação que procura.

O nosso site também contém uma série de ferramentas online que lhe permitem procurar a informação pretendida de forma rápida e de acordo com as suas circunstâncias e necessidades específicas. Nalguns casos, poderá proceder directamente para a solicitação do visto online.

Se, após consultar o nosso site, tiver mais dúvidas ou necessitar de esclarecimentos adicionais, poderá contactar o Centro Europeu de Serviços (ESC). O ESC é um centro multilíngue localizado em Londres, que presta informações sobre vistos australianos e cidadania.

A forma mais fácil de contactar o ESC é por email, usando client enquiry form

Também poderá contactar telefonicamente com o ESC.

Por vezes, em caso de elevados fluxos de telefonemas, poderá encontrar dificuldades em falar com o ESC. Quando tal acontece, aconselha-se os clientes a aceder à informação no nosso website. Se, após consultar o site, ainda necessitar de informações, poderá também enviar um email através de online enquiry form.

Se contactar a Embaixada da Austrália em Lisboa por telefone ou email com questões relativas a vistos e imigração, será redireccionado para esta página na Internet e, tal como indicado acima, será informado de que terá que contactar o Centro de Serviços Americano no nº +1 613 238 1040 ou o Centro Europeu de Serviços em Londres, no nº +44 20 7420 3690.

Carta de Serviço ao Cliente e o Seu Contributo

Valorizamos os seus agradecimentos, sugestões e reclamações, a fim de nos ajudar a melhorar os nossos produtos e serviços. Solicitamos esse seu contributo de inúmeras formas, como a sua participação em inquéritos de satisfação, para fim de amostra, e através do seu contributo directo.

A nossa Carta de Serviço ao Cliente esclarece, entre outras informações, as nossas normas de prestação de serviços.

Se desejar, envie-nos o seu contributo.

Vistos para turismo e curta estadia em negócios

Todos os cidadãos que não os australianos, e à excepção dos neozelandeses, necessitam de obter previamente um visto se desejarem visitar a Austrália.

Se vai efectuar uma viagem por motivos de turismo ou de negócios, por um curto período de tempo, deve escolher uma das opções: tourism ou short stay business. Nenhum deste tipo de vistos permite trabalhar.

Se for portador de um passaporte habilitado a obter um eVisitor (consultar eVisitor-eligible Passport) e desejar fazer uma visita por um máximo de 3 meses, em turismo ou negócios, pode requerer um eVisitor na Internet.

Caso seja portador de um dos seguintes passaportes e deseje visitar a Austrália para fins de turismo ou negócios por um período inferior a 3 meses, poderá obter a sua autorização electrónica de viagem (ETA) através do seu agente de viagens, transportadora aérea ou na Internet. A emissão é feita no momento.

Se for portador de um dos seguintes passaportes e desejar fazer uma visita de duração superior a 3 meses e inferior a 12 meses, em turismo ou negócios, pode requerer o seu visto electrónico e676 na Internet Electronic Tourist Visa (e676) on-line. 

Se não puder requerer um visto electrónico, ou não estiver habilitado a fazê-lo, terá que contactar com o Centro de Serviços Europeu em Londres, através do tel. nº +44 20 7420 3690.

Vistos para trânsito

A maioria dos passageiros que necessita de transitar a Austrália com destino a outro país ou para embarcar como membro da tripulação de um navio necessita de obter previamente um visto. Será necessário um visto de trânsito mesmo para passageiros que permaneçam na mesma aeronave durante a escala. O visto de trânsito (subclass 771) permite ao detentor a entrada e permanência na Austrália durante 72 horas. Para mais informações poderá ligar para o Centro de Serviços Europeu em Londres, através do nº +44 20 7420 3690.

Agências de Viagem

Para obter as instruções de utilização do sistema de emissão de vistos electrónicos, clique aqui

Transportadores Aéreos e seus Tripulantes

Informações e requisitos de vistos para transportadores aéreos e seus tripulantes Departamento de Imigração e Protecção de Fronteiras

Transporte Marítimo

Informações e requisitos de vistos para transportadores marítimos, suas tripulações e passageiros que chegam por via maritime Departamento de Imigração e Protecção de Fronteiras.

O visto para tripulantes marítimos substituirá o visto de circunstâncias especiais a partir de 1 de Julho de 2007. Para mais informações, consulte: Departamento de Imigração e Protecção de Fronteiras

Vistos para estudantes

Os visitantes que desejarem frequentar um curso formal ou informal na Austrália, cuja duração não exceda os 3 meses (por exº: curso de inglês, curso de mergulho ou curso de informática), poderão fazê-lo com um Visto de Visitante ou Autorização Electrónica de Viagem (ETA). Deverão, contudo, ter em mente que não é permitido trabalhar com um visto de turismo e que as formalidades a nível de exames de saúde se aplicam de igual forma.

Se o seu curso for por um período superior a 3 meses ou se estiver a participar num Intercâmbio do Ensino Secundário (independentemente da duração), tem que requerer um Visto de Estudante. Por Intercâmbio do Ensino Secundário entende-se um programa oficial de intercâmbio registado num Departamento Estatal de Ensino da Austrália.

Poderá estar habilitado a solicitar o seu visto on-line, se a sua nacionalidade estiver classificada no Assessment Level 1 e a partir do momento em que recebeu uma Confirmação Electrónica de Admissão (Electronic Confirmation of Enrolment).

Caso não esteja habilitado a solicitar o seu visto de estudante on-line, para mais informações contacte o Centro de Serviços Europeu em Londres, através do nº +44 20 7420 3690.

Vistos para Residência Temporária

Se estiver a tentar obter residência temporária por um dos motivos listados abaixo, por favor contacte o Centro de Serviços Europeu em Londres, através do nº +44 20 7420 3690.

  • é um académico convidado para visitar a Austrália e observar ou participar em projectos de investigação, sem outra remuneração que não uma contribuição para as suas despesas correntes e de deslocação.
  • deseja participar num evento desportivo, artístico ou viajar para a Austrália como produtor cinematográfico, fotógrafo ou jornalista.
  • visto para investidores reformados.
  • programa especial de vistos.
  • visto para estágio ocupacional 

Residentes permanentes na Austrália 

Caso tenha um visto de residência permanente na Austrália e necessite de o renovar ou transferir para um novo passaporte, por favor contacte o Centro de Serviços Europeu em Londres, através do nº +44 20 7420 3690.

Cidadadania australiana

Todos os pedidos de Cidadania Australiana por Descendência para residentes em Portugal devem ser endereçados ao Alto Comissariado Australiano em Londres.

Para mais informações sobre Cidadania por Descendência, consulte http://www.uk.embassy.gov.au/lhlh/immi_citz.html

Para saber como efectuar o seu pedido junto do Alto Comissariado Australiano em Londres, consulte http://www.uk.embassy.gov.au

Queira notar que todos os pagamentos têm que ser efectuados em Libras Esterlinas. As informações sobre os métodos de pagamento estão disponíveis em: http://www.uk.embassy.gov.au/lhlh/immi_fees.html

Caso necessite de esclarecimentos específicos, utilize: http://www.border.gov.au/forms/europe

Para informações gerais em matéria de cidadania, consulte www.citizenship.gov.au

Imigração para a Austrália

Vistos para trabalhadores qualificados

Existem diversas opções de vistos disponíveis para pessoas que queiram imigrar para a Austrália e que possuam as qualificações e conhecimentos requeridos. Consulte overview.

Vistos para Parceiros e Familiares

Se pretender residir na Austrália permanentemente ou se as suas circunstâncias pessoais requerirem uma autorização de residência permanente na Austrália, tem que solicitar um visto de imigração. Consulte overview.

Outras informações e contactos

Caso tenha solicitado um visto electrónico, o seu pedido será processado na Austrália. Todos os serviços de vistos electrónicos são providenciados pelo Departamento de Imigração e Protecção de Fronteiras na Austrália.

Por favor utilize o link abaixo indicado para verificar o estado do processamento do seu pedido antes de efectuar qualquer contacto em relação ao mesmo. Terá que estar na posse do seu TRN [exemplo: EGMN69SVX] e do seu passaporte: EVisa Status Request.

Todos as outras questões relativas a vistos electrónicos deverão ser colocadas junto dos centros de atendimento relevantes. 

Visto electrónico para estudantes

Caso necessite de contactar o Departamento, utilize: Visa Enquiry Form

Vistos electrónicos para turistas

Caso necessite de contactar o Departamento, utilize: Visa Enquiry Form

Autorização electrónica de viagem

Caso o seu agente de viagens ou linha aérea tenham algum problema com a sua ETA, deverá remeter um e-mail com uma digitalização/foto digital da página biográfica do seu passaporte, datas de viagem, motivo da viagem e mensagem de erro recebida para: ETA Helpdesk 

Comprovativo de Visto

Caso tenha obtido um visto electrónico de turismo ou de estudante, não necessitará que lhe seja colocado um visto no passaporte.

Caso tenha obtido uma Autorização Electrónica de Viagem (ETA) através de um agente de viagens ou linha aérea, não lhe será colocado um visto no passaporte. O visto será guardado electronicamente.

Caso tenha recebido uma notificação por escrito do DIBP informando de que o seu visto foi concedido e de que necessitará que lhe seja colocado um visto no passaporte, consulte o link abaixo para saber mais informações sobre o envio do seu passaporte e cópia da carta que recebeu How to have a visa label transferred into your passport.

Outras informações

Formulários e Guias

Períodos de Processamento (Carta de Serviços ao Cliente)

Localização e contactos dos médicos e radiologistas em Portugal

Formulários 26 (exame médico) e 160 (radiologia)

Lista de tradutores

Taxas de processamento e formas de pagamento aceites